NOTICIA ON LINE

Friday, June 09, 2006

Trilha na Serra do Curral. Uma boa alternativa para quem curte esportes radicais.


Para quem gosta de fazer trilha e conhecer lugares bonitos sem gastar muito e sem ter que se deslocar pra muito longe, a Serra do Curral é uma boa opção. Localizada quase no centro de BH, a região guarda uma rica vegetação de muita variedade e de rara beleza, com animais exóticos, riachos e cachoeiras belíssimas a Serra do Curral é considerada pela população de Belo Horizonte um símbolo da cidade. Uma excelente alternativa para o fim de semana é reunir a turma, se equipar de roupas leves, calçado bem confortável, bastante líquido para não desidratar e muita animação para conhecer ou até mesmo matar a saudade de um dos locais mais bonitos da capital mineira. Seguir um bom roteiro pode tornar o passeio mais agradável e explorar melhor o tempo.
Segue uma dica pra quem quiser fazer um passeio legal: Toda semana, um grupo se encontra às 09:00 na portaria II do Parque das Mangabeiras (em frente ao Minas Tênis Clube) para fazer um passeio ecológico. Ás 09:30 começa o Trekking. São 12 Km de caminhada até Nova Lima, aproximadamente 6 horas. A primeira parte do passeio é a caminhada pelas ruas do bairro Serra. Em seguida, uma subida pela estradinha calçada até o pico de BH (1.390 metros). O Esforço vale a pena. De lá, é possível se ter uma das mais belas vistas da cidade. Uma pequena pausa para fotografar e descansar um pouquinho e continuamos nosso percurso até chegar No Córrego do Carrapato de 3 metros de altura. Outra parada para tomar um banho relaxante de cachoeira e mais algumas fotos da bela queda d’àgua. Detalhe: No Córrego do Carrapato, não tem carrapato. Durante o trajeto do Córrego a caminhada é feita pelo leito do rio, atravessando cascatas, pedras e pequenos poços com água até a cintura. A previsão é alcançar o final da trilha por volta das 16:00 horas. Parada para almoçar, porque ninguém é de ferro. Aproximando das 18:00 horas a turma chega até a Praça do Mineiro, no centro de Nova Lima e se você animar, pode pegar a estrada de volta. Caso contrário, pode esperar pelo ônibus para retornar a BH. Pra você que pensa que vai gastar muito dinheiro pode estar enganado. Um passeio como este pode sair por até R$30,00 incluindo almoço, guia e transporte de volta.
Alguns lembretes são importantes para tornar sua aventura mais tranqüila e segura. O guia Alexandre Scarpo, de 26 anos, dá algumas dicas. “Durante o trajeto é sempre muito importante usar roupas leves. Não deve faltar, também, roupas de banho, tênis ou botas, boné ou chapéu. O participante deve levar uma mochila ou porchete com objetos pessoais, alimentos leves, material de primeiros socorros e até uma peça de roupa extra. E é claro, jamais esquecer a máquina fotográfica, o protetor solar, repelente, óculos escuros e muita disposição. Existem vários tipos de trilhas que podem ser praticados de diversas formas diferentes. Renata Otoni, de 26 anos, que pratica o esporte a 10. Ela explica como funciona o Off Road. "O Off Road significa fora de estrada. Tudo aquilo relacionado à utilização de um veículo motorizado com tração nas 4 rodas (4x4) em locais de difícil acesso para veículos comuns. Existem os chamados passeios, que tem como destino um lugar bonito onde a “galera” possa apreciar o visual. O percurso é leve e qualquer carro 4x4 pode participar.
As trilhas são quase a mesma coisa que o passeio, porém por lugares com grau de dificuldade maior, geralmente com carros mais preparados. Existe também as expedições, que são viagens mais longas, podendo ter estradas comuns e trechos com maior grau de dificuldade. E por último os Raid’s, que são competições com regularidades e em terrenos de difícil acesso".

Repórter: Litza Alves

Fotos: Renata Otoni

Saturday, June 03, 2006




Parque Lagoa do Nado, ar puro e muito verde em BH


Para quem busca tranqüilidade e muito verde para fazer caminhada e admirar a natureza, sem ter que se descolar para muito longe tem como alternativa um passeio na Lagoa do Nado. Local de intensa beleza e com uma excelente programação cultural e ecológica. O Parque Municipal Lagoa do Nado, no bairro Itapoá, região norte de Belo Horizonte, comemora 11 anos. O parque foi criado a partir de uma mobilização da comunidade local, que se uniu para transformar a antiga fazenda Renne Gianneti em um espaço voltado para o meio ambiente e cultura. Com uma área alagada de 1,5 hectares e uma área verde com vegetação diversificada, este reservatório é também local de estudos periódicos de biólogos mineiros. Para comemorar o décimo primeiro aniversário do Parque serão realizadas, durante todo o mês, várias exposições ambientais, plantios de árvores, teatros, oficinas, mostras de vídeos e espetáculos musicais. Uma exposição de fotografias e a uma mostra de espécies da flora local estarão disponíveis no Espaço Multimeios Mestre Orlando. Muitas Atividades voltadas para crianças estarão acontecendo em vários dias seguidos, como oficinas do Projeto Animassinha e de filmes para a garotada se divertir enquanto os pais curtem o verde e conversam com os amigos. Dentro das programações, estão programados ainda espetáculos musicais no Teatro Arena. Além disso, todos os domingos haverá concerto didático com a Banda Comse Rmos.
A Lagoa do Nado é um ótimo lugar para levar as crianças nos fins de semana. Polliane Machado, de 23 anos, explica por que sempre leva sua filha Natália de 3 anos, para passear na Lagoa. “Desde que a Natália tinha 1 ano trago ela aqui para passear. Acho importante que ela cresça cercada por ambientes como este. Ela gosta muito daqui e se diverte muito nos brinquedos e nas programações infantis. Minha mãe e minha irmã sempre fazem caminhada aqui”. O Parque Lagoa do Nado fica localizado na Rua Ministro Emenergildo de Barros, 904 – Bairro Itapoá. Tel: 3277-4620
Repórter: Litza Alves

Bolão do Santa Tereza



Quem mora em BH sabe que o macarrão mais famoso de cidade fica no Bolão. O Bar é o mais conhecido da região e um dos mais famosos da capital mineira, por receber clientes ilustres como os componentes das bandas Skank, Jota Quest, Claudio Zoli e até mesmo Clara Nunes. Localizado na Praça Duque de Caxias no bairro Santa Tereza, o bar literalmente bate um bolão. Premiado várias vezes em diversos quesitos como melhor atendimento, melhor opção gastronômica de Belo Horizonte e melhor bar boêmio da cidade, o Bolão oferece comida simples e saborosa a qualquer momento, além de preços bem interessantes e um ambiente super agradável. A localização do bar é privilegiada por estar num dos bairros mais tradicionais que fazem esquecer que você está em uma metrópole. E a descontração da decoração do ambiente é um atrativo a mais. As paredes do Bolão tem muita história pra contar. Os relóginhos pendurados na parede, as fotos dos freqüentadores famosos e as pinturas são marcas registradas do lugar. Ricardo Teixeira de 23 anos é freqüentador assíduo do bar do Bolão. Ele conta porque elegeu o lugar como a melhor opção para o fim de semana. “Come-se muito bem em BH, mas com certeza não existe macarrão melhor que o do Bolão, além de ser o melhor fim de noite da cidade você ainda corre o risco, de quem sabe, encontrar com o pessoal do Skank e do Jota Quest”. No sábado dia 03 de junho, o bar do Bolão fará uma homenagem a sambista Clara Nunes, eleita a sambista de Belo Horizonte. O espetáculo “Contos de areia – Um canto a Clara Nunes” tem o objetivo de resgatar arte da cantora, que também é mineira de Caetanópolis. Quatro cantoras interpretarão os sucessos de Clara. O espetáculo que começará as 20h, conta com o apoio da Prefeitura e será gratuito. Vale a pena Conferir!

Repórter: Litza Alves

Museo Abílio Bareto


MUSEO ABÍLIO BARRETO


O museo Abílio Barreto, instalado no casarão colonial de 1883 em Belo Horizonte completou no dia 31 de maio seu sexagésimo aniversário. Para comemorar, uma mostra retrata a casa sede do Museo como moradia. Única construção remanescente da arquitetura rural do antigo Curral Del Rey. Considerado patrimônio preservado a mostra reúne fotografias, plantas e mapas.
Paralelamente, todo o mês, o Museo coloca em evidência uma peça de seu acervo para exposição. Durante todo o mês de maio um conjunto de lápis que faz parte da Coleção Comunicação esteve em destaque. A idéia era valorizar as peças do Museo e tornar sua história conhecida. Este material é fruto de amostras grátis utilizadas como material de propaganda por várias empresas de Belo Horizonte ao longo do século XX. Além das amostras o Museo oferece ainda, pinacoteca, mobiliário, esculturas, arte sacra, peças decorativas, documentos, material fotográfico e iconográfico e a maquete do antigo Curral Del Rey. Esses recursos variados de informação e cultura permitem realizar um verdadeiro passeio pela história e os costumes da capital mineira que estão valorizados neste acervo. Carolina Paiva, de 18 anos, estudante, procurou o Museo para realizar uma pesquisa escolar sobre a História de Belo Horizonte. “Consegui encontrar bastante informação sobre BH. Os documentos e as fotos também me ajudaram bastante na pesquisa. Adorei conhecer este museo. É uma pena que muita gente não conhece ainda”.
O museo Abílio Barreto funciona na Av Prudente de Morais, 202 – Snto Antônio. De terça-feira a domingo, das 10 ás 17h e quinta-feira das 10 ás 21 horas.

Repórte: Litza Alves

Foto: Rodrigo Dias

Tuesday, May 16, 2006

Fé e arte na Igreja da Pampulha


Fé e arte em Belo Horizonte

Uma das mais belas artes de Oscar Niemeyer é a Igreja de São Francisco de Assis que fica localizada as margens da Pampulha. Além de ser cartão postal de Belo Horizonte a igreja reúne beleza e religiosidade para quem passa pela Lagoa. Todos os fins de semana é possível observar grande movimentação no entorno da igreja. Muitas pessoas que tem o hábito de fazer caminhada pela orla da Pampulha passam também pela igreja. Mesmo se não for para acompanhar a missa é sempre bom apreciar a belíssima arquitetura que faz da Igreja de São Francisco uma das mais conhecidas do país. O projeto, com suas linhas arrojadas e uma fachada com painel de azulejos, de autoria de Candido Portinari ficou pronto em 1945. Em 2005 a igreja foi restaurada e passou por um trabalho de recuperação, principalmente, de rachaduras e infiltrações na cobertura da capela. A cerimônia que inaugurou novamente a visitação do público, contou com a presença de pessoas ilustres como o Ministro Gilberto Gil, do prefeito Fernando Pimentel e de representantes da Petrobras e da TV Globo. Durante as obras de restauração uma oficina foi montada para tratar da historia da arquitetura e do país e uma exposição sobre os arquitetos Oscar Niemayer, Candido Portinari, Burle Marx, Alfredo Caeschiattie Paulo Werneck. Aigreja fica aberta a visitação de segunda a sábado de 09:00 às 17:00 e domingo de 09:00 às 13:00.

Litza Alves


VOLTA PAGINA PRINCIPAL


Tuesday, May 09, 2006


Feira Hippie, Descontração e lazer garantidos nos domingos de BH


A maior e mais famosa feira de artesanato do país e da América Latina, reúne aos domingos cerca 60 mil pessoas entre moradores da capital, turistas do interior de Minas, de outros estados e até mesmo estrangeiros. As barracas começam a ser montadas por volta das 04:30 da manhã. A partir das 08:00 horas a feira fica coberta por uma multidão de artesãos inspirados e turistas ansiosos pelas compras. Com uma mistura de cores, criatividades e preços baixos, 2.500 expositores trabalham no local e movimentam um renda de aproximadamente R$1 milhão por domingo. Nesta feira você encontra os mais variados produtos. Barracas de escultura, mobiliários, flores, arranjos, utilidades, tapeçaria, cama, mesa, banho, vestuário infantil e adulto, bijuteria, calçados e, além disso, oferece uma praça de alimentação onde também é possível experimentar diversos tipos de comida. A praça de alimentação é muito famosa por servir pratos que fazem sucesso no país inteiro. São 107 barracas que servem todo o tipo de comida. Desde pratos tradicionais mineiros à procurada comida baiana. A feira atrai pessoas de todos os lugares, inclusive do exterior. Pouco antes de acontecer o BID na capital, os vendedores passaram por um treinamento básico para aprender a lidar com os turistas. Com muito bom humor Andréa Nogueira, vendedora na barraca de churrasco há cinco anos, diz que não encontrou dificuldade com os turistas . “Aqui vem gente todo lugar. Nesta barraca já atendi turista do Ceará, Espírito Santo, Rio de Janeiro e muitos outros lugares. Até os americanos já passaram por aqui. No início não entendia direito o que eles queriam, mas no final deu tudo certo” Bom para os comerciantes, melhor ainda para os clientes. Alysson Flaviano, morador do bairro Santa Inês, é freqüentador assíduo da feira. “Gosto muito de vir aqui tomar cerveja e encontrar com meus amigos. Acho que o pessoal aqui atende muito bem”. Com preços convidativos, mercadorias variadas e pratos irresistíveis, a Feira Hppie, é a melhor feira do país na opinião de Rosangela Ribeiro, professora de educação física. “ Já visitei várias. Feira de Ipanema no Rio, em São Paulo e Ceará. Não conheço outra feira melhor. No artesanato e principalmente no carisma esta ganha de todas as outras. Além disso aqui é muito seguro. Nunca tive problema com falta de segurança. É sempre bem policiada”.
Litza Alves

Monday, April 03, 2006

Como escrever bem no estilo da Web



No texto de Steve Outing ele descreve a melhor forma de como fazer um bom texto na web. Ele destaca que existe uma variedade de livro sobre o assunto. Steve disse que as editoras publicam livros sobre a tecnologia para a web que seriam suficientes para encher múltiplas estantes na livraria, entre tanto, o conteúdo contínuo sendo um mercado minúsculo.
Um exemplo citado pelo autor é uma obra de Crawford Killian (Writing for the web). Em seu livro ele lembra que a internet como mídia editorial é tão nova que a maior parte das pessoas que escrevem para ela cria seus estilos à medida que trabalham. Os escritores pioneiros nem sempre sabiam que estavam fazendo, e os defeitos de estilos muitas vezes foram copiados por outros sites da web. Muitas empresas jornalísticas reaproveitam conteúdos antigos (jornais, revistas, etc.) na web sem adaptar apropriadamente o estilo literário na mídia online.
É possível que webline bem produzido dê aos leitores uma experiência de leitura muito melhor do que um jornal online. Quem procura por orientação sobre como escrever para web conforme o meio, não se limita a estudar o que é publicado na própria web como referência.


Ø Como escrever direito

Steve sugere o capítulo 3 de Killian “Organizando o conteúdo de um site na web” e cita também o capítulo 4 “Escrevendo bem para web”.


Ø Seja sucinto e preciso

Os leitores da internet tendem a olhar o site superficialmente. Isto significa que tudo que você escreve precisa ser o mais resumido possível. A idéia é transmitir a mensagem de forma rápida, porque não há muito tempo.


Ø Mantenha os parágrafos e sentenças curtos

Segundo Killian o ideal é que os parágrafos da web tenham 75 palavras de comprimento, e que as frases sejam curtas.


Ø Reduza os floreios

Outra sugestão é que os textos sejam escritos com trechos de 150 a 200 palavras e que depois seja feito uma revisão onde irá reduzi-lo novamente para cerca de 55 a 60 palavras. Isto facilita ao usuário da web entender o que você quer dizer.



Ø Use verbos fortes em lugar de fracos

Usar verbos impaquitantes. Ex.: “Decidir ao invés de “tomar decisão”“.


Ø Use a voz ativa

Escreva na forma direta (ativa). Usar a voz ativa também tende a usar menos palavras para dizer a mesma coisa.


Ø Atenção no uso de metáforas elaboras

Essas metáforas não funcionam bem em texto online. Os leitores podem pular de um ponto para o outro de seu conteúdo e deixar o artigo pela metade.


Ø Escreva e edite tendo em mente leitores internacionais

Outra sugestão é evitar empregar palavras ou frases características (Audiência internacional).


Ø Imprima o texto para corrigi-lo

Concluindo Killian sugere aos editores da web que imprimam os textos para uma revisão final. Ler em voz alta o texto é uma outra técnica para descobrir frases que soam mal.
Usar palavras que provoquem a ação por parte do usuário é uma boa tática para atraí-lo.
A interatividade é tão importante quando a informação.





Tuesday, March 21, 2006

Sucessão Presidencial

Nesta terça feira, 07, a Executiva Nacional do PSDB se reúne para deliberar sobre a posição do partido em função da sucessão presidencial. Este ano, a disputa pela presidência da república, fica praticamente nas mãos de dois partidos. O PT e o PSDB.
O deputado Renato Casagrande (ES), disse que não há possibilidade de lançar o nome de Ciro Gomes na disputa. E que está confiante de que em um prazo breve será possível promulgar o PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que acaba com a obrigatoriedade da verticalização nas coligações (regra imposta pela Justiça Eleitoral que obriga os partidos em nível regional a seguirem as coligações criadas por suas respectivas cúpulas).
No Mato Grosso, o governador Blairo Maggi disse que irá trabalhar pela coligação de seu partido, o PPS com o PMDB, para disputar a sucessão presidencial, caso o governador peemedebista, Germano Rigotto seja candidato. Uma pesquisa de opinião pública, realizada pelo CNI/Ibope aponta que 54% dos pesquisados tem intenção de votar em um candidato que conduza a política econômica em favor do crescimento. Entre os eleitores de Lula, 39% querem mudanças na política em vigor.

Tuesday, March 07, 2006

Veja como é fácil criar um site


Criar um site hoje em dia é muito fácil. Ao contrário do que muitos pensam, não é preciso conhecimento técnico. Sem precisar procurar muito você encontra vários sites que disponibilizam procedimentos que ensinam o usuário a montar seu próprio site, onde abrigálo, como registrar um domínio entre outras coisas. O mais interessante é que isso pode ser feito gratuitamente. Vários produtos no mercado facilitam essa ecolha, como é o caso do NVU. Você tem ainda a opção de usar uma outra ferramenta que é o Microsoft Office ou OpenOffice.org. Em ambos, apartir de um documento de texto ou apresentação de slides, gerar uma página na WEB. Segue abaixo todos os passos para montar seu site:
O primeiro passo é escolher um serviço para hospedar seu site. Alguns sites estão disponíveis gratuitamente na internet, que facilitam esta etapa como o Tripod, O próximo passo agora é se cadastrar. Clique na palavra cadastre-se e preencha os dados solicitados, em seguida você receberá um e-mail, endereço que você forneceu no cadastro, o seu login e sua senha e um link ao cliclar irá direto para a página para você começar a personalizar seu site. O site será criado na linguagem HTML. Daí você pode escolher o modelo da página. Agora clique em continuar. Na página escolhida clique em editar para escrever e alterar textos ou imagens. Para concluir a sua página Web, clique em uma das ligações para outras páginas no seu site. Edite e clique na ligação para a página seguinte. Prossiga até terminar de editar todas as páginas do seu site. Concluindo, para publicá-lo é só clicar em Publicar no final da página. Escreva um nome curto para o seu directório e clique em Publicar agora. Dê um clique em Visualizar meu site para ver sua página, depois em Anunciar para tornar público o seu espaço. Após criado e publicado, poderá voltar a editá-lo sempre que precisar. Está pronto o seu site. Agora é só navegar e divulgar. Afinal, a propaganda é a alma do negócio.